Fale com clareza: perspectivas sobre a psoríase

As consultas médicas nem sempre podem sair conforme o esperado. É importante usar o tempo com sabedoria. Converse com seu médico sobre todos os impactos que a psoríase tem em você. Algumas vezes, por vários motivos, pode ser difícil se abrir e ter essa conversa íntima. Seu médico deveria ser a melhor pessoa para conversar a respeito de sua psoríase. Usando as dicas a seguir para aproveitar ao máximo a consulta, você pode ajudar a torná-la um sucesso e aprofundar sua parceria com o médico. 

1. Seja franco sobre suas metas de tratamento 
A definição com o médico das suas metas de tratamento no início da consulta é uma etapa importante para ambos. Pode parecer óbvio dizer que você deseja ter a pele sem lesões, ou que está em busca de alívio de sintomas como a coceira ou a descamação, mas essas informações podem ajudar a definir o cenário de toda a sua jornada de tratamento.

Lembre-se: você tem o direito de dizer o que deseja obter em seu tratamento.

2. Prepare-se 
Mantenha uma lista atualizada de perguntas em um lugar de fácil acesso (no seu telefone, na sua bolsa, na sua carteira) para garantir que todos os pontos que você deseja discutir estejam à mão. Se você não tiver certeza de onde deve começar ou precisar de alguma dica para elaborar sua lista, consulte nosso Guia de Discussão com o médico! Além de manter uma lista atualizada de perguntas, tirar fotos de sua pele pode ser útil ao discutir suas dúvidas mais tarde.

3. Seja específico  
É importante ser específico ao atualizar o médico sobre a condição de sua psoríase e as alterações desde a última consulta. Isso inclui detalhes sobre o tratamento atual e anterior; diga o que funcionou e o que não funcionou e seja honesto sobre o modo como vem seguindo seu plano de tratamento. Não presuma que o médico consegue ler sua linguagem corporal ou saber como os sintomas e o tratamento afetam você. A comunicação clara é uma parte importante de qualquer relacionamento, inclusive do relacionamento com o médico! 

4. Verifique sua compreensão sobre a psoríase 
Se pedissem a você para explicar o que é a psoríase e como exatamente ela funciona, você conseguiria? Tudo bem se a resposta for negativa. Embora essas perguntas básicas possam parecer simples demais para o seu médico, é importante que você tenha uma compreensão básica de sua doença. Ter uma compreensão exata de como a doença funciona pode ajudar a melhorar as técnicas de tratamento e os resultados.1 Procurando mais informações sobre a psoríase? Veja aqui.

5. Peça fontes confiáveis de informação 
Peça ao médico a recomendação de sites interessantes, folhetos ou grupos de apoio de pacientes. Esses recursos podem oferecer a você mais informações e ajudar você a entrar em contato com outras pessoas de sua comunidade que tenham psoríase. 

6. Seja transparente sobre o que você sente 
A psoríase é muito mais do que uma doença dermatológica. Sim, seu tratamento pode estar funcionando e sua pele, melhorando ao longo do tempo, mas é importante que você diga ao médico como está se sentindo e como a psoríase afeta a sua vida diária — física, mental e emocionalmente.

7. Leve junto um familiar ou amigo de confiança 
Quer você se sinta sobrecarregado com a quantidade de informações que recebe ou se sinta mais à vontade com outra pessoa na sala, você sempre pode pedir a um amigo ou familiar que vá com você a uma consulta importante. Jamais subestime o poder do apoio emocional 

8. Lembre-se: sua psoríase é única 
Embora seja útil fazer sua própria pesquisa e ter contato com outras pessoas que tenham psoríase para aconselhamento, lembre-se de que, por a psoríase ser uma doença complexa, o que funciona para outras pessoas pode não funcionar para você, e vice-versa. Não deixe que alguma coisa que você leu on-line ou escutou de um amigo impeça você de tentar uma opção ou discuti-la com seu médico. É importante manter uma cooperação estreita com seu médico para chegar ao plano de tratamento da psoríase adequado para você.

9. Continue fazendo as mesmas perguntas. Depois, faça-as de novo.
As pesquisas atuais, as técnicas de manejo da doença e as opções de tratamento disponíveis mudam constantemente. Não pense que você não pode perguntar algo porque já fez a mesma pergunta numa consulta anterior ou para outro médico.  

10. Não se acomode se alguma pergunta ficar sem resposta 
Não sinta medo de dizer: "Não estou entendendo, você pode explicar um pouco mais?" Você tem o direito de exigir as informações que precisa para se assegurar de que está tendo o melhor atendimento possível para se sentir confiante com a sua pele. 

Estas dicas breves podem parecer simples, mas elas podem ajudar você a aproveitar ao máximo a consulta com seu dermatologista. Veja mais informações sobre como ser franco com seu médico aqui. 

Referências 

1. Mayo Clinic. Psoriasis – Diagnosis & treatment. (13 de março de 2019). Disponível em: https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/psoriasis/diagnosis-treatment/drc-20355845. Acessado em 25 de junhoo de 2019.

Seja claro com seu médico

Você deseja ficar confiante com sua pele, mas como conversar claramente com seu médico? Às vezes se expressar pode ser a parte mais difícil.

Veja as dicas

A sua voz faz diferença

Defina seus objetivos claramente. A capacidade de se expressar, ser confiante e exigir o melhor cuidado está dentro de você. Compartilhar a sua história pode ser o próximo passo para se sentir livre da psoríase – e até inspirar outros a fazerem o mesmo.

Envie a sua história

Artigos Relacionados