Fale com clareza: perspectivas sobre a psoríase

Em todo o mundo, o tempo de consulta com o dermatologista pode variar muito. Em alguns países, o tempo é maior do que em outros. Na Áustria, passamos apenas sete minutos em cada consulta com nosso dermatologista. Sei o quanto é difícil discutir tudo o que é necessário em uma consulta tão rápida. Contudo, após vários anos tendo apenas sete minutos com meu médico, aprendi a maximizar cada momento da minha consulta.

Preparação é meio caminho andado

Antes de falar com o médico, determino o que considero mais importante para aquela consulta. Para não esquecer algo importante, faço uma lista de todas as informações relevantes e perguntas sobre sintomas e opções de manejo, incluindo metas de tratamento. Certifique-se de incluir informações sobre seu estilo de vida, como hábitos alimentares e atividades físicas. Manter um diário tem sido particularmente útil para mim. Todos os dias escrevo todos meus sintomas e perguntas e levo meu diário para a consulta. Isso ajuda o médico a reconhecer possíveis conexões clínicas sem tomar muito do tempo alocado.

Quanto mais informações o médico tiver, melhor ele poderá tratar seus sintomas. Não sabe o que dizer? Este guia de discussão personalizado pode ajudar.

As três perguntas que você deve saber responder após cada consulta 

Mesmo se o tempo parecer curto durante a consulta, reserve tempo para anotar as principais informações passadas pelo médico.

Se você tiver dúvidas durante a consulta, não tenha vergonha e pergunte imediatamente. Na minha experiência, você deve sair da consulta podendo responder o seguinte:

  1. Você compreendeu o que o médico lhe disse sobre seu plano de tratamento?
  2. Você entendeu a terminologia usada pelo médico?
  3. A meta do seu plano de tratamento ficou clara?

Se sua resposta for “não” para quaisquer dessas questões, isso pode causar confusão e precisa ser  solucionado o quanto antes. Você deve tirar qualquer dúvida que tenha com o seu médico e sentir-se empoderado para dar sua opinião. Se eu ainda tiver dúvidas após a consulta, ligo para o médico ou faço minha própria pesquisa online.

Ser franco com seu médico irá ajudá-lo

Muitas pessoas com psoríase sentem vergonha em falar sobre as diferentes formas pelas quais a psoríase impacta suas vidas, principalmente se estiver relacionado a questões íntimas ou se afetar a saúde mental. Isso geralmente faz com que as pessoas com psoríase deixem de relatar seu impacto, o que é importante para o médico ao determinar o melhor plano de controle para você. O impacto que a psoríase tem em sua autoconfiança, vida social, hobbies e relacionamentos é tão importante quanto a sua pele.

Além de seus sintomas físicos e do impacto na sua vida, seu médico perguntará sobre seu estilo de vida e hábitos alimentares. Algumas vezes, pode ser difícil perceber a conexão entre estilo de vida, hábitos alimentares e psoríase. Seu médico é o especialista e pode ajudá-lo. A meu ver, é sempre melhor dar o maior número de informações. É por isso que meu diário tem sido bastante útil para mim.

Outro motivo para as pessoas não compartilharem detalhes sobre estilo de vida é ter medo de ser julgado por comportamentos possivelmente pouco saudáveis. Ninguém gosta de se sentir assim e, na minha experiência, vem da falta de confiança entre médico e paciente. Confiança leva tempo para ser construída, mas abrir-se para seu médico e dizer o quanto sentir-se livre da psoríase importa para você pode ajudar. Não deixe de ter esperança e acredite que você pode controlar sua psoríase ao trabalhar com o médico certo para você.

Viver com uma condição crônica de pele me intimidou perante várias coisas, inclusive em ter discussões abertas com meu médico. Minha plataforma para pacientes ajudou a me abrir para meu médico e possibilitou me sentir melhor e livre em minha própria pele. Eu também quero que você chegue lá.

Seja claro com seu médico

Você deseja ficar confiante com sua pele, mas como conversar claramente com seu médico? Às vezes se expressar pode ser a parte mais difícil.  

Veja as dicas

A sua voz faz diferença

Defina seus objetivos claramente. A capacidade de se expressar, ser confiante e exigir o melhor cuidado está dentro de você. Compartilhar a sua história pode ser o próximo passo para se sentir livre da psoríase – e até inspirar outros a fazerem o mesmo.

Envie a sua história

Artigos Relacionados